Top 10: Dicas de planejamento de viagem que ajudam você a se programar

Um bom planejamento de viagem é essencial para que tudo ocorra da melhor maneira nos seus dias de passeio ou descanso. Saber o que tem para fazer no destino, que horário cada uma das coisas funciona, como visitar e curiosidades importantes sobre o destino, podem ser informações simples mas, se bem organizadas, ajudam muito a otimizar o seu tempo, seja qual for o seu estilo de viagem. Aqui separamos as – na nossa opiniãotop 10 dicas de planejamento de viagem que ajudam você a se programar para as suas próximas andanças. E como o Voyajando é um bom companheiro de viagem, trouxemos também algumas dicas bônus!

As indicações aqui embaixo, caro Voyajante, são todas porque nós utilizamos mesmo. São baseadas na nossa experiência com cada uma dessas ferramentas e sites.

DICAS DE Planejamento de viagem

É aqui no passo um que o planejamento de viagem começa. E aí, caro leitor, ele pode acontecer em qualquer lugar. Como assim? Pois então. Você está conversando com seus amigos, você está rolando o feed de Instagram (segue a gente), ou você está lendo blogs de viagens (que esperamos que um deles seja o nosso, hehe) e se depara com um destino MARA. Fotos, informações, curiosidades, relatos sobre o lugar começam a chamar a sua atenção e , de repente, você descobre que pre-ci-sa conhecer esse destino. E esse foi o primeiro passo da sua viagem.

Mas como a gente aqui não brinca em serviço, muito mais do que saber o que você pode fazer lá, é preciso entender qual o valor que seria investido nessa viagem, quanto você precisa levar, como fazer para ir e voltar, como se locomover internamente, os preços dos ingressos e horários de cada atração. E é pra isso que serve esse nosso guia aqui – claro que com base no que nós geralmente fazemos. Então bora começar!

1) Blogs de viagens e canais no Youtube

Pois sim. Começamos com uma dica óbvia – já que você está aqui, caro voyajante – mas necessária. A blogosfera (alguém ainda usa essa palavra?) e o Youtube (aliás, você já segue a gente? Clica!) são ótimos pontos de partida para você conhecer um novo destino, saber o que tem para fazer lá, ter uma noção de preços e distâncias. Somos suspeitos, eu sei, mas é que realmente acreditamos no poder da informação então indicamos – com frequência – não só outros blogs por aqui como também levamos em consideração as dicas de portais como Melhores Destinos e Viaje na Viagem.

Em alguns destinos usamos mais essas dicas que em outros, mas em todos a gente acaba dando uma lida na experiência que outras pessoas tiveram nesse destino. E não só para ter referências sobre o que fazer, mas entender de verdade como foi a experiência levando em consideração outras variáveis como idioma, nacionalidade (sim, infelizmente faz diferença ser brasileiro em alguns lugares do mundo), e tantos outros poréns que só quem viveu sabe.

Por fim, não esquece então de levar em consideração essas pesquisas prévias. Aproveite para viajar antes de viajar, conhecendo, descobrindo, se encantando pelo lugar que em breve você vai conhecer. Sei que isso é chato para muita gente, mas nós por aqui, amamos essa experiência de entender e aprender um pouco mais sobre o destino antes de chegar nele.

Estamos no YouTube e recomendamos, fortemente, que você nos acompanhe por lá também!

2) Tripadvisor

O Tripadvisor é também um site que sempre verificamos quando se trata de viagem. Seja na parte de planejamento seja quando já estamos por lá, para ver avaliações e dicas de outros viajantes pelo mundo sobre restaurantes e pontos turísticos. Para nós é sempre muito útil, porque assim conseguimos entender a experiência de quem já esteve no lugar.

Uma dica boa também é dar uma olhada nas fotos dos pratos e dos cardápios, às vezes dá para ter uma noção de valores e da experiência que você vai ter por lá antes mesmo de ir. Você também pode reservar alguns restaurantes pelo site (eles também têm aplicativo), mas nós ainda não utilizamos essa opção – e eu não sei por quê hahaha.

3) Agências de Viagens

Pode parecer contraditório colocar as agências de viagem aqui, mas é que realmente acreditamos que todos podemos viajar, independente do estilo de viagem, do planejamento e da afinidade com planilhas e pesquisas prévias. Isso quer dizer que: agências de viagem podem, sim, estar no seu radar ao planejar a sua viagem. E aí estamos falando daquelas que você prefere: CVC, Decolar, Submarino Viagens, e por aí vai, seja online ou seja na loja mesmo, o que importa é viajar, né?

Então se você não tem afinidade – ou vontade – de planejar tim tim por tim tim uma viagem, uma das formas de poder aproveitar é optar para que planejem por você. Há também milhares de pessoas que realizam esse serviço aqui na internê então você não ficará sozinho. Além disso, outra opção, é fazer como fizemos para a nossa primeira viagem de Orlando, em que compramos passagens aéreas, ingressos para os parques e aluguel de carro pela CVC e depois optamos por fechar as hospedagens à parte.

Um agente de viagem tem uma noção geral – e específica – de como planejar uma viagem. Ele vai ajudar você a ter um panorama sobre o destino, as coisas mais legais para fazer, os pontos turísticos mais famosos, e pode instruir e opinar sobre como você pode aproveitar a viagem de uma forma que combine com o seu estilo. Além disso, nós sempre damos uma olhada no Decolar, por exemplo, para entender os custos gerais da viagem (passagem + hotel + passeios), para ver se ela cabe agora no nosso bolso ou se devemos esperar mais um pouquinho ou priorizar outro destino.

4) Quanto Custa Viajar

O Quanto Custa Viajar é um site que descobrimos há um tempinho e muitas vezes utilizamos para entender e ter uma visão geral sobre a viagem. Ou seja, quanto seria investido em uma viagem para a Roma? E para o Marrocos? E se eu quiser fazer uma Eurotrip??? O que tem para fazer nesses lugares? Esse site é legal para ter uma visão geral sobre o assunto pois se propõe trazer preços atualizados dos principais custos de uma viagem. A gente gosta também porque eles levam em consideração seu perfil de viajante (de forma mais geral) e propõe valores com base na sua necessidade de conforto, de alimentação e tudo o mais. É um dos bons pontos de partida, na nossa opinião, para um bom planejamento de viagem.

DICAS DE PLANEJAMENTO: passagens aéreas

Precisamos falar sobre elas! A não ser que você vai fazer uma road trip, esse passo aqui é importante para entender um dos custos que podem ser os mais pesados dentro de uma viagem. Você tem milhas? Há outra maneira de chegar? Você prefere voo noturno? Com ou sem escalas? Muitas vezes temos essas respostas na ponta da língua, mas, se não, é bom entender os jeitos de chegar no destino e as melhores opções dentro das opções de data de viagem que você tem.

Na viagem para a Croácia, pesquisamos as passagens aéreas pelo Google Flights e pelo Skyscanner!

5) Google Flights

É por aqui que – também – começamos nossas viagens. O Google Flights é uma boa opção para termos uma ideia geral de preços de passagens aéreas. Quase sempre compramos nossas passagens – quando não temos milhas – pelos sites das próprias companhias aéreas, então o Google Flights, nos dá um panorama geral sobre escalas, tempo total de viagem e, claro, os preços das passagens aéreas para aquele período.

Conseguimos utilizar os filtros do site para o melhor horário de partida e retorno, se queremos ou não escalas (que, claro, influenciam no preço) e também sobre podemos usar ferramentas bem úteis como o gráfico de preços, para entendermos se os valores estão dentro da média, e também um calendário que mostra as opções de valores nos dias próximos da viagem – para vermos se sai mais barato ou mais caro viajar um ou dois dias depois, por exemplo.

6) Sky Scanner

O Sky Scanner funciona de maneira semelhante ao Google Flights. Nos ajudou a encontrar passagens, por exemplo, para a viagem da Croácia, já que estávamos no meio da pandemia e haviam menos voos – e precisávamos vir pra Itália fazer a cidadania italiana. Os filtros também funcionam de maneira interessante e temos a opção de procurar pela melhor opção para nós de maneira muito rápida.

Fazendo esse post também achei interessante que o site está com informações atualizadas sobre restrições de entrada durante a pandemia saindo de um país para o outro. Se há restrições na ida – ou necessidade de teste PCR – e se é obrigatória a quarentena na volta, por exemplo. Tudo isso você pode conferir no mapa ao vivo deles.

DICAS DE PLANEJAMENTO: Hospedagem

Outra parte importantíssima de uma viagem é: onde você vai dormir e deixar sua mala. E aí tem várias opções de sites que você pode aprofundar essa pesquisa e aproveitar para entender melhor qual será o custo total da sua viagem – já que esse é outro item que também costumamos levar bastante em consideração no orçamento.

Aqui você precisa ter em mente o seu perfil de viajante. Geralmente as variáveis e necessidades que costumam influenciar na escolha por aqui são: conforto, localização, preço e facilidades (café da manhã, check in cedo, etc) – a ordem e as prioridades dependem de você e do seu tipo de viagem. Como em todo esse post – e em toda a vida do Voyajando – colocamos aqui a forma como nós fazemos. Mas se você tem dicas melhores, não deixe de compartilhar com a gente, vamos adorar saber!

7) Booking

Você já deve conhecer, claro, mas ele não poderia deixar de estar aqui. A gente usa bastante o Booking para fazer pesquisas e também para reservar hotéis, pousadas e também apartamentos. Acaba que, na maioria das vezes, fazemos nossas reservas por ali e nunca tivemos grandes problemas – quando tivemos, eles nos auxiliaram a resolver na medida do possível.

Na minha opinião ele ficou um pouco mais bagunçado com relação aos filtros depois que aumentaram as opções de alugueis de casas, apartamentos, de pessoas físicas – não só de hotéis. Mas ao mesmo tempo, o valor ficou mais acessível e o que eu mais gosto ali é de levar em consideração as avaliações de outros viajantes e a opção de ver no mapa onde fica a localização da hospedagem.

8) Airbnb

Assim como o Booking, o Airbnb é uma ótima opção também para procurar alugueis de casas de temporada ou mesmo para hospedagens rápidas. Além de oferecer estadias incríveis – tem casas maravilhosas para você se hospedar, o site por outro lado democratizou um pouco mais as viagens, deixando mais acessíveis as hospedagens para quem não tem – vontade, dinheiro – a opção de ficar em um hotel, seja pelo tempo ou mesmo por ser uma viagem para a família toda, por exemplo.

Esse foi o nosso caso quando viajamos para Natal (RN) em seis pessoas. Alugamos um apartamento enorme, com três quartos e garagem e foi ótimo – em relação ao preço e ao conforto. O Airbnb é também uma opção interessante para quem vai passar grandes estadias, pois aí existem proprietários que dão descontos nas diárias quando se aluga por mais tempo.

A nossa dica com relação ao Airbnb é ficar de olho nas avaliações de viajantes que passaram por aquela hospedagem antes de você! Aliás esse item é bem importante para a sua segurança e para não estragar a sua viagem.

9) Hostel world

A @jeaninecarpani tem mais experiência em hostels do que eu e comentou que uma dica boa para quem gosta desse tipo de hospedagem é o Hostel World. Ele é voltado exclusivamente para esse tipo de hospedagem, diferente dos outros aqui em cima, e você pode ver fotos do lugar e as avaliações dos outros hóspedes. “A gente só conheceu enquanto pesquisávamos as opções de acomodação em alguns países em que achávamos as reservas mais elevadas, como Amsterdã e Islândia“, contou ao blog a voyajante, hahahahaa.

“A gente pesquisava nele e no Booking, fazia também um comparativo com o Airbnb, mas quando este último estava muito mais custoso, a gente optava por hostel. E uma dica é que muitas vezes no site da acomodação o preço é melhor que nos aplicativos, então a gente tbm entrava em contato direto para ver com a acomodação o valor direto lá”, explicou a Jeanine.

DICAS DE PLANEJAMENTO: Deslocamentos Internos

Trazemos aqui algumas sugestões para planejamento dos deslocamentos internos dentro da viagem. Além de pensar o que fazer no dia a dia durante a viagem, é interessante ter em mente como você se deslocará dentro da cidade ou entre os destinos. Por exemplo, na nossa viagem pela Itália em 2018, nós utilizamos o transporte público para nos deslocarmos internamente em Roma e Veneza, e entre Roma e Florença fizemos de trem. Depois, de Florença para Pisa, Verona e Veneza, alugamos um carro. Já nas viagens para Orlando, sempre optamos por alugar um carro para facilitar a vida por lá.

Ah, e aqui deixamos também duas dicas-bônus para quem vem à Europa – e à Itália – e quer dar uma estudada na viabilidade de se deslocar internamente, seja por ônibus, por trem ou mesmo por avião.

Escolher como se deslocar internamente faz parte do planejamento da viagem. A última vez que fomos à Veneza, fomos de trem!

10) Sites de locadoras de veículos

Claro que aqui é uma dica mais genérica, mas é importante você orçar nas locadoras de veículos quanto é a diária para alugar um carro que atenda às suas necessidades de deslocamentos internos. Seja na data ou no horário que você precisa. Atenção aqui porque, muitas vezes, só há lojas da locadora específica no aeroporto, por isso é importante ver se compensa se deslocar até o aeroporto mais próximo – que muitas vezes fica fora da cidade – apenas para locar o veículo, ou se você prefere às vezes pagar um pouquinho mais, mas alugar o veículo dentro da cidade mesmo.

Aqui deixamos a dica, então, da Rent Cars. E clicando nesse link aqui embaixo, você ainda ajuda o Voyajando!

Clique aqui para alugar um carro para a sua viagem.

11) Bônus – para deslocamentos na Europa: OMIO

Por fim, mas não menos importante, se a ideia é viajar pela Europa, fica a dica do OMIO. Um site que sempre utilizamos para orçar deslocamentos internos, seja de ônibus, de trem ou mesmo de avião. É bem completo e ótimo para fazer orçamentos multitrechos ou ida e volta, além de entendermos qual o tempo de deslocamento em cada uma das opções.

E para ganhar 5€ de bônus na sua primeira reserva pelo OMIO, clica aqui, ou utilize meu código jenifc2y3q2l


Conheça outras listas de TOP 10!

Por hoje é só pessoal! Essas são as nossas principais dicas – ou as Top 10 dicas – de planejamento de viagem. São sites que sempre consultamos para pesquisar sobre o próximo destino ou para montar o roteiro do que faremos por lá.

Esse post faz parte da Blogagem Coletiva Viagens por Escrito (clica aqui para ler o post do mês passado), um projeto bem bacana que estamos felizes de participar com outros blogs de viagens mara! Para você ler mais sobre outras listas TOP 10, trouxemos as indicações do mês abaixo:

10 comentários

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google

Você está comentando utilizando sua conta Google. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s