Como é morar na Colômbia? Brasileira muda com família para Bogotá

Quando queremos morar fora do país, muitas vezes pensamos em nos mudar para países da Europa ou para os Estados Unidos, por questões como idioma, moeda forte, familiaridade com a cultura (por causa dos filmes e referências) e tantos outros porquês – e cada um tem o seu. Ok… Mas e os países da América do Sul? Nossos vizinhos também podem nos abrir muitas novas – e incríveis – portas e nos encantar e surpreender muito se estivermos dispostos a conhecê-los. E é sobre isso o nosso Morar Fora de hoje. Vamos falar sobre como é morar na Colômbia e a Gabi vai nos contar a sua história com o país.


Morar na Colômbia: a oportunidade e a decisão

Como muitas vezes as grandes decisões são acompanhadas de grandes mudanças, a oportunidade apareceu para a família da auditora bilíngue Gabriela Iuspa quando seu marido foi convidado para trabalhar em Bogotá, na Colômbia. “Minha história com a Colômbia começou com a relação do trabalho do meu marido com o país. Meu marido trabalha em uma multinacional farmacêutica e por diversas vezes teve que vir para a Colômbia porque estava gerenciando uma equipe. De uma certa forma, sabíamos que um dia podia aparecer a oportunidade de mudança de país”.

O convite realmente chegou, mas eles tiveram que esperar mais um pouquinho para a grande mudança. “Então, houve a oportunidade, onde ele foi convidado a trabalhar em Bogotá, em Dezembro de 2019. Decidimos a mudança em Fevereiro de 2020, com previsão de chegada na Colômbia logo no começo do mês de Março, mas infelizmente pela pandemia, postergamos a data de chegada. O que era pra ser em Março, só foi acontecer de fato em Outubro do mesmo ano”.

A mudança aconteceu mas a família teve que esperar um pouquinho para viver as grandes aventuras com a nova cidade e o novo país. “O início foi bem maluco pra dizer a verdade, porque claro, como tudo era novo, queríamos conhecer a cidade e desbravar, mas não podíamos justamente pela situação do COVID-19”, se lembra. “Ficamos em um hotel por quase 1 mês, até que nossa casa estivesse arrumada. Mas, posso dizer que foi bem tranquilo depois da ida pra nossa casa e nos adaptamos rápido, ao meu ponto de vista! E sinceramente, faria tudo de novo!”.

A Gabi de agora, diria pra Gabi de antes pra não ficar ansiosa, não ter medo, porque com calma e junto com a família tudo dará certo e isso em qualquer lugar do mundo.

Dicas para a adaptação na Colômbia

“Acredito que toda mudança é bem vinda, mesmo que tenha que sair da zona de conforto, mas mudar de país, além de te amadurecer como pessoa, te faz ver a vida com outros olhos e te faz dar valor a pequenas coisas que antes não tinha valor. Além claro, do conhecimento diário, aprendizagens e vivenciando sempre uma nova cultura e aprendendo a nova língua na prática”, comenta a Gabi que hoje compartilha dicas sobre a Colômbia no seu Instagram (segue ela lá!) e também no blog Nossa Família pelo Mundo (conheça aqui).

Nessas redes, ela mostra o dia a dia, dicas de passeios e viagens, restaurantes e muitos outros assuntos bacanas que com certeza ajudarão outras pessoas que estão pensando em percorrer o mesmo caminho. Além disso e, principalmente, levando em consideração o bem-estar e conforto de toda a família, como eles levaram.

“A dica para quem quer/vai se mudar de país, é que a mudança necessita de alguns pontos de atenção, principalmente quando se tem filhos, como foi meu caso. Nossa atenção inicial era justamente o conforto das minhas filhas, para que não sofressem de cara a mudança cultural e se caso necessitassem, estaríamos sempre perto e digo isso, literalmente. Minhas filhas estudam perto de casa, moramos perto de mercados, farmácias, hospitais e parques. Isso facilita muito a adaptação porque torna mais fácil viver ‘longe de casa’ “, explica. 

A Gabi ressalta que outro ponto importante é escolher realmente onde vai ser o lugar que você vai passar a chamar de casa, levando em consideração o entorno “Traçar e buscar a melhor casa, para que nem todos sofram com a distância e deslocamento muitas vezes” é outra das dicas que ela pontua.

Morar na Colômbia como imigrante

“Como imigrante vejo que independente do tempo, você sempre será o estrangeiro. Nunca tivemos problemas por sermos os gringos rs, mas sempre não seremos daqui. Alguns benefícios dos colombianos, não temos, mas levamos a vida com a melhor maneira possível. No geral, todos nos tratam muito bem e nos tentam deixar como se fossem eles mesmos”, salienta.

Uma forma de você decidir se a Colômbia pode ser a sua próxima casa é fazendo o que mais gostamos de fazer por aqui: visitá-la. “E pra finalizar, visitem a Colômbia! Tudo que se “sabe”, que se “conhece”, não é real. Um país sofrido por marcas do narcotráfico, mas que tem um povo de coração e braços abertos a todos que chegam, que amam os brasileiros e um país muito rico culturalmente, com belezas naturais incríveis!”, convida.


Assim como a Gabi, dados do Ministério do Exterior indicam que aproximadamente 18 mil brasileiros vivem hoje na Colômbia. Se você gostaria de se juntar a eles, um primeiro passo pode ser se inspirar nas dicas e informações que ela compartilha lá no Instagram (segue ela lá!) e no blog Nossa Família pelo Mundo.

No mais, a gente agradece o carinho da Gabi em nos ajudar a espalhar informações em português-BR para quem deseja um dia percorrer o mesmo caminho. A realização de sonhos é muito mais legal quando a gente consegue se inspirar em alguém que já fez essa estrada e, por isso, muito obrigada Gabi!


E para conferir outros textos sobre morar fora que já compartilhamos por aqui, clique aqui ou veja a galeria abaixo:

Como é morar no Japão? Brasileira conta sua experiência

Como é morar no Japão? Brasileira conta sua experiência

Já falamos algumas vezes que além da nossa descendência italiana – que nos fez conquistar a cidadania – também temos descendência japonesa na família, pela parte do nosso pai. E essa cultura sempre esteve presente lá em casa e eu…

Vida de Imigrante: advogada abre empresa para ajudar brasileiros a morar no Canadá

Vida de Imigrante: advogada abre empresa para ajudar brasileiros a morar no Canadá

Você viu que estamos com uma série nova aqui no blog sobre Morar fora do Brasil, né? Hoje vamos contar a história da Maira Imamura de Lima, uma advogada que saiu do Brasil em 2012 para um mestrado no Canadá e…

Como é morar na Bélgica? Brasileira se muda com família para Bruxelas

Como é morar na Bélgica? Brasileira se muda com família para Bruxelas

Chocolate? Cerveja? Batata frita? Que outros clichês envolvem a Bélgica para nós, brasileiros? A @jeaninecarpani já passou um dia em Bruxelas e se apaixonou, mas foi a turismo (e contou tudo aqui, clica para ler), mas sabemos bem que para…

Como é morar na Colômbia? Brasileira muda com família para Bogotá

Como é morar na Colômbia? Brasileira muda com família para Bogotá

Quando queremos morar fora do país, muitas vezes pensamos em nos mudar para países da Europa ou para os Estados Unidos, por questões como idioma, moeda forte, familiaridade com a cultura (por causa dos filmes e referências) e tantos outros…

Morar fora do Brasil: como é morar em Dublin, na Irlanda?

Morar fora do Brasil: como é morar em Dublin, na Irlanda?

Não é segredo para ninguém que nós do Voyajando Blog adoramos contar histórias. Tanto as nossas quanto as dos outros. Foi assim na série de intercâmbios que tivemos por aqui. E foi assim quando compartilhamos sagas de pessoas em busca…



__

GARANTA SEUS INGRESSOS

Booking.com

SOBRE NÓS

O Voyajando surgiu do sonho de criar um espaço para trocar dicas de passeios, restaurantes, hotéis e tudo o mais que envolve os pequenos períodos maravilhosos da vida que chamamos de viagens. São elas que nos proporcionam a possibilidade de descobrir novos universos, ter contato com outras culturas e outros jeitos de ver a vida. O Brasil e o mundo estão cheios de lugares incríveis. Vamos conhecê-los juntos?

PASSEIOS EM ROMA

Posts  Relacionados

Deixe  um  comentário

0 comentários

Enviar um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado.